Entenda a carteira de investimentos de uma empresa através da análise de balanços patrimoniais

16 de maio de 2023 | Geral

Para analisar carteira de investimentos dentro de nossa base, separamos as empresas em três tipos (conforme o nível de informações que conseguimos coletar delas):

  • Empresas que vamos ter somente o capital social como métrica
  • Empresas que vamos além do capital social, os balanços completos com informações como Caixa, Aplicações Financeiras e Receitas Financeiras
  • Empresas que, além dos balanços, publicam notas explicativas ou outros detalhamentos mostrando onde o dinheiro está investido

No segundo e terceiro tipos conseguimos fazer uma análise mais aprofundada da carteira de investimentos e conseguimos chegar a conclusões muito ricas sobre a alocação de capital e performance de carteira de investimentos (sem nem conhecer as pessoas)!

Análise das aplicações financeiras e cálculo do rendimento da carteira de investimentos

No balanço patrimonial, na parte do Ativo Circulante, uma das primeiras linhas é o Caixa (também chamado de “Disponibilidades”, “Caixa e Equivalentes”, “Aplicações Financeiras” e/ou “Títulos e Valores Mobiliários”). Abaixo exemplo do balanço de uma empresa:

Print do Ativo Circulante da Participações Morro Vermelho com destaque no Caixa de 43 milhões, que é uma representação da carteira de investimentos
Caixa e Equivalentes de Caixa no Ativo Circulante

Note que a empresa tem 43,2 milhões em “Caixa e Equivalentes de Caixa”. Essa conta sempre está disponível no balanço e no sistema da Klooks você consegue inclusive filtrar empresas acima de determinado nível de caixa.

Agora, como eu descubro como está a rentabilidade da carteira de investimentos da empresa? No DRE (Demonstração de Resultado do Exercício) tem uma conta chamada “Receitas Financeiras” que geralmente é o lucro que a empresa obtém através de seus investimentos e variações cambiais. No caso da empresa em questão vemos que ela teve Receitas Financeiras em 2022 de R$ 4,99 milhões:

Print da DRE (Demonstração de Resultado do Exercício) com destaque nas Receitas Financeiras de 4.9 milhões, que é quanto rendeu a carteira de investimentos
Receitas Financeiras no DRE

Agora que temos o valor de receitas financeiras e o valor de caixa e equivalentes de caixa fica fácil de calcular quanto a carteira de investimentos da empresa rendeu aproximadamente no ano em referência:

4.994 / 43.261 = 11,54% a.a.

Este dado pode ajudar em diversas análises, inclusive servir de referência em uma eventual prospecção (se você é um consultor financeiro consegue chegar no potencial cliente com uma sugestão de como aumentar o retorno ou diminuir o risco da carteira).

Como saber onde o dinheiro está alocado?

Algumas empresas deixam disponível também onde estão alocados os investimentos. Abaixo alguns exemplos:

Detalhamento da carteira de investimentos no próprio Ativo Circulante

Na empresa abaixo vemos que o detalhamento das Aplicações Financeiras estão no próprio Ativo Circulante. A empresa tem R$ 37 milhões alocados em um CDB do BTG Pactual, provavelmente administrado pela Kaza Capital, agente autônomo BTG.

Print de Ativo Circulante de empresa que detalha onde está alocada a carteira de investimentos no próprio Balanço Patrimonial
Ativo Circulante e Aplicações Financeiras

Detalhamento da carteira de investimentos nas Notas Explicativas

Outras empresas não deixam diretamente no balanço mas sim nas notas explicativas. No exemplo abaixo a empresa informa no Balanço Patrimonial que tem 24 milhões em Caixa e Equivalentes de Caixa e 13,7 milhões em Aplicações Financeiras, mas informa que a Nota Explicativa de número 4 trará mais detalhes. Abaixo print do Ativo Circulante:

Print do Ativo Circulante de empresa com bastante dinheiro em Caixa e Aplicações Financeiras, informando que maiores detalhes podem ser obtidos na Nota Explicativa número 4
Ativo Circulante

Abaixo print da Nota Explicativa de número 4:

Print de Nota Explicativa que detalha Caixa e Aplicações Financeiras
Notas explicativas detalhando Caixa e Aplicações Financeiras
  • Compartilhar no Facebook
  • Compartilhar no Twitter
  • Compartilhar por E-mail
  • Compartilhar no LinkedIn
  • Compartilhar no WhatsApp
  • Compartilhar no Pinterest